fbpx

Mastigação errada pode causar perda dos dentes?

Muitas pessoas não param para pensar em algo que, na verdade, é evidente, a mastigação é a primeira etapa da digestão. Dito isso, fica claro a sua grande importância para que nosso organismo consiga se beneficiar dos nutrientes dos alimentos ingeridos. Com isso em mente, pode surgir uma questão: a mastigação errada pode levar à perda de dentes?

Antes de responder a essa pergunta lembramos que a mastigação é a função mais importante do sistema estomatognático, composto por articulação temporomandibular (ATM), ossos maxilares e mandíbula, músculos, vasos, nervos, bochechas, dentes, lábios e língua. Confira agora a relação entre a mastigação errada e a perda de dentes.

Como é a mastigação errada?

Quem mastiga de forma incorreta está fazendo o que os odontólogos chamam de mastigação unilateral, ou seja, quando a pessoa usa apenas um lado da arcada para mastigar. Além disso, quem possui problemas de oclusão costuma movimentar as arcadas dentárias de uma maneira bem diferente de quem possui os dentes na posição correta. A mastigação errada pode trazer vários problemas, todos citados a seguir.

Quais as causas da mastigação errada?

Vários fatores podem causar a mastigação incorreta, alguns mais evidentes e outros nada óbvios. Confira:

  • dentes tortos;
  • má oclusão;
  • falta de dentes;
  • sensibilidade nos dentes ou na gengiva;
  • desvio de septo e até
  • rinite (casos mais graves do problema).

Quais problemas a mastigação errada pode causar?

A mastigação errada pode causar a perda dos dentes, além de outros problemas na região, como:

  • disfunções na ATM (articulação têmporo-mandibular);
  • sobrecarga em um certo grupo de dentes;
  • falta de nutrientes no organismo;
  • dores nos músculos faciais;
  • dentes mal posicionados;
  • problemas respiratórios;
  • cefaleia (dor de cabeça);
  • problemas estéticos;
  • desgaste dos dentes;
  • retração na gengiva;
  • zumbido no ouvido;
  • fratura dos dentes;
  • refluxo esofágico;
  • dentes tortos;
  • bruxismo;
  • estalidos;
  • cáries;
  • entre outros.

Como é a mastigação correta?

Mastigar é um ato muito instintivo, por isso, poucas pessoas observam se estão realizando os movimentos de forma correta. O padrão de mastigação ideal é chamado bilateral, ou seja, os alimentos ocupam os dois lados da sua boca, de forma simultânea ou alternada. Já os movimentos realizados são rotação de mandíbula e verticais. A forma unilateral de mastigar (mastigação errada) é considerada um desvio a ser evitado.

Cada dente tem um papel específico na mastigação. Os quatro caninos, por exemplo, têm a função de rasgar a comida. Ao lado deles, temos os oito dentes incisivos (quatro na arcada superior e quatro na inferior). Eles ficam na frente e sua função é segurar e cortar os alimentos. Por fim, no final das arcadas, temos os pré-molares e os molares que trituram os alimentos.

As funções de cada dente devem ser aproveitadas em sua totalidade. Os oito dentes incisivos (quatro na parte superior e quatro na inferior) ficam na frente da boca, são finos e retos. Eles exercem o papel de apreender e cortar o que é mastigado. Ao lado deles estão os caninos, somando um total de quatro, que rasgam a comida. Já os pré-molares e molares trituram os alimentos.

Como corrigir a mastigação errada?

Se você ou seu filho tem uma mastigação errada, precisa saber que existem vários tratamentos que solucionam o problema, como a colocação de aparelho ortodôntico. Na falta de dentes, o ideal é colocar um implante, próteses removíveis ou fixas, para que a pessoa volte a mastigar da maneira correta.

Mas se o problema for ósseo, quando os ossos inferiores e superiores não estão suficientemente coordenados, a solução é a cirurgia ortognática, a qual corrige várias alterações não só na mordida como também na face, visando melhorar a mastigação, a fala e a respiração.

Como prevenir a mastigação errada?

A prevenção de grande parte dos problemas bucais começa na higiene dos dentes, gengiva e da língua e não é diferente com a mastigação incorreta. Isso porque, quando a pessoa não cuida adequadamente dos dentes, as cáries aparecem, e, quando estão grandes causam dores, fazendo com que o indivíduo evite mastigar os alimentos do lado dolorido. Com isso, ele fará uma mastigação unilateral.

Além disso, pacientes com dentes tortos ou mordida incorreta podem ter a indicação de usar aparelho ortodôntico antes mesmo de perceber que a mastigação está incorreta.

Como vimos, a mastigação errada sim causar a perda de dentes e muitos outros problemas. Para continuar lendo posts interessantes e informativos como esse, siga-nos em nossas redes sociais (Facebook e Instagram).

Dr. Pedro Barini
Ortodontista
CRO-GO 3286

Deixe uma resposta

Open chat
Agende Sua Consulta